ARTERIAL

Os detalhes da natureza sempre são um ponto de atenção e encantamento em minhas criações na macrofotografia. Minha busca é por transformar a simplicidade de formas e cores em algo que pode conduzir o nosso olhar em sensações variadas.

A serie Arterial traz à tona um desabafo após o infarto do meu marido.
Foi um período de muitas angústias e reflexões.

Toda a criação aconteceu por uma conexão com uma árvore em frente a minha casa. Eu fiquei viciada em olhar pra ela todas as vezes que entrava com o carro na garagem. Eu não entendia porque aquela árvore roubava tanto da minha atenção. Isso se repetiu por muitos dias até que eu decidi ir até lá com a câmera em mãos. Ao clicar, imediatamente vi os galhos da árvore parecendo artérias.  Então eu tive a idéia de improvisar um fundo vermelho. Fui ate a papelaria e comprei algumas folhas de papel celofane. Coloquei atrás da árvore e comecei a clicar sem parar. O sol de fim tarde iluminava a cena.

A série teve sua conclusão em uma única sessão fotográfica.
Foi algo rápido que me trouxe um tipo de alívio.

A edição das imagens ocorreu apenas com ajustes de cores, contrastes e saturação para que o vermelho das fotos trouxessem a vibração, intensidade e sentimento que gostaria de atribuir a essa série.

A série Arterial brinca com o nosso imaginário através de intensas cores e formas. É uma série que convida a nos aprofundarmos em sensações e reflexões sobre interações entre nosso corpo e a natureza.

Meu marido se recuperou bem e a minha fixação com a árvore também se curou após o surgimento dessa série.

. . .

Essa série pode ser colecionada em NFT através da Sloika. Clique aqui e saiba mais.